Conheça as etapas para se cumprir com os procedimentos de abertura e Registro de uma Instituição.

1º Passo:  necessário efetuar pesquisa da viabilidade junto ao cartório, para saber se no local e a denominação que você deseja adotar está liberado ou quais exigências devem ser cumpridas para saber se o mesmo está liberado para utilização.

2º Passo: Elaborar o Estatuto Social, a Ata de Registro e os Requerimentos de Registro, conforme as suas particularidades interesse nas atividades que deseja desenvolver. Este documento só terá validade para registro se tiver a assinatura de um Advogado.

3º Passo: Após elaboração dos documentos, composto pela diretoria, é preciso providenciar o registro da instituição no Cartório.

4º Passo: Após cumprir com as exigências e efetivar o registro dos documentos em cartório, deverá ser feito o pedido de registro de cadastro junto a Receita Federal para obtenção do CNPJ. Esta solicitação deve ser feita por um Contador.

5º Passo: Após receber o cartão do CNPJ, o contador vai solicitar o registro da instituição nos órgãos competentes, tais como Prefeitura Municipal de São Paulo, Caixa Econômica Federal e Previdência Social.

6º Passo: Se o interesse, após cumprir com todos os procedimentos acima, for colocar placa na frente da instituição, pode ser solicitada o CADAM que é a autorização para tais fins.

7º Passo: Se preocupar em ter uma Contabilidade devidamente credenciada e que conheça a parte técnica contábil exclusiva de instituições, pois assim como medico e advogado tem áreas de atuação e especialização na contabilidade é a mesma coisa.

​Atualização, Renovação ou ajustes nas instituições já existentes.

Existem normas e obrigações, como ata de prestação de conta anual, mudança de endereço ou substituição de diretores que renunciaram e até mesmo a renovação da diretoria a cada período de mandato.

 

Tem religioso que por falta de conhecimento e orientação abriu sua instituição e CNPJ e nunca fez atualização ou ajustes necessários, neste caso é necessário fazer levantamento de pendencias fiscais e multas que são aplicadas para estes casos e seguir as exigências da leia para atualizar.
 


AGORA! SE VOCE ENTENDEU E DESEJA EFETIVAR A LEGALIZAÇÃO JURIDICA DO SEU ESPAÇO OU ATIVIDADES LEIA ABAIXO:

O valor pelo serviço inicial de construção do estatuto, ata e procedimentos para registro em cartório, até o registro final, cumprindo as possíveis exigências de correção e ajuste para oficializar a criação da instituição:

VALOR A VISTA:
$ 2.400,00 podendo ser em 3 x R$ 900,00 no cartão de crédito

VALOR PARCELADO BOLETO BANCARIO:
R$ 3.000,00 divididos em 5 vezes no boleto R$ 600,00

Lembrando que os valores acima são custos do procedimento de abertura até a emissão do CNPJ, ou seja a parte de assessoria jurídica, a partir da emissão do CNPJ que se contrata os serviços da CONTABILIDADE ASCOTRI.

 

Para realizar a abertura junto a prefeitura e solicitar a licença de funcionamento a um CUSTO FECHADO DE R$ 500,00 mais as mensalidades R$ 280,00 da contabilidade mensal, PARA CUMPRIR COM AS OBRIGAÇÕES QUE AS LEIS VIRGENTES IMPOEM.

Entenda que este atendimento é para os associados, ou seja, o religioso que já fez sua adesão VIA legalização religiosa, o que deve ser feito em primeiro lugar. O atendimento para legalização jurídica é exclusivo para religiosos associados.

O SERVIÇO CONTABIL da instituição pode ser contratada fora, caso não queira contar com a nossa parceria, mas lembramos que conhecer sua particularidade e acompanhar de perto todo procedimento, a ATUCO só terá como lhe prestar assessoria se tiver atrelado a um de nossos parceiros ou se junto a seu CONTADOR tivemos autorização previa. O Contrato de parceria com a ASCOTRI é por tempo mínimo de 2 anos.

263152854_4705131982904053_8148618736319347956_n.jpg